Godzilla vs Kong: Curiosidades sobre o filme

29/9 · Por HBO · Leitura de2 min.

Descubra as curiosidades de Godzilla VS Kong. Dois grandes titãs da história do cinema. Com Millie Bobby Brown, Eiza González e Demián Bichir, e mais.

Godzilla vs Kong: O que você deve saber antes de assistir ao filme.

A batalha destes dois personagens icônicos da história do cinema é uma das mais antecipadas da temporada. Ao longo dos anos, Godzilla e King Kong ganharam um papel importante em nossa memória, e agora se encontrarão novamente para se enfrentarem. 

Na HBO, nós lhe contamos algumas informações sobre a filmagem do quarto filme no chamado "Monsterverse" para que você esteja totalmente informado sobre o filme do diretor Adam Wingard (Death Note, 2017) antes de vê-lo.

Quem você acha que vai ganhar essa batalha? Esta história ainda não terminou, mas preparamos uma lista das maiores curiosidades sobre o filme.

 

1.    Kong está 232 pés a mais alto

A diferença de tamanho entre King Kong e Godzilla foi uma grande preocupação para a produção desse filme, pois o Godzilla era significativamente mais alto e isto poderia posicioná-lo como o vencedor claro.

Godzilla tem quase 400 pés de altura, uns 120 metros, e King Kong não era mais alto do que 104 pés (quase 32 metros) em "Kong: A Ilha da Caveira". No entanto, neste último filme, Kong cresceu abismalmente até uma altura de 336 pés, que é de aproximadamente 102 metros.

 

2.     Uma referência ao Blockbuster dos anos 90

Você pode não associar o diretor deste filme com sua trama. O cineasta americano Adam Wingard é bem conhecido pelos filmes de terror indie, como "A horrible way to die" de 2010 e "Você É o Próximo" de 2011.

Adam Wingard saltou para os mega blockbusters neste crossover de Kong e Godzilla no Monsterverse.

Cinco roteiristas participaram da criação do filme, e entre eles encontramos Terry Rossio, que já participou do Godzilla de Roland Emmerich em 1998. É por isso que ao longo do filme você verá referências às versões mais recentes, especialmente da década de 90.

 

3.    A trilha sonora foi criada quase antes da realização do filme.

O compositor Tom Holkenborg (Junkie XL) é o responsável pela trilha sonora do filme, mas curiosamente, antes de ser contratado para o filme, ele já havia feito música para o Godzilla, pois se declara um grande fã deste personagem e dos filmes japoneses.

Para dar ritmo aos super monstros, o compositor pediu o maior tambor que eles pudessem fazer, uma missão que exigiu muito esforço por parte de seu fabricante, mas que foi finalmente alcançada com uma dimensão de 8 pés. Este é o principal instrumento que pode ser ouvido em toda a trilha sonora do filme.

 

4.    Alexander Skarsgård e Rebecca Hall aprenderam a linguagem dos sinais para se comunicar com a pequena Kaylee Hottle.

Uma das protagonistas mais emocionantes desta história é a atriz Kaylee Hottle. Ela é americana nascida na Geórgia tem deficiência auditiva e esta é sua estreia na tela grande.

A jovem de 11 anos ensinou os atores Alexander Skarsgård e Rebeca Hall, a linguagem americana de sinais para se pudessem se comunicar.

5.    O filme tem sido bem elogiado nas salas de cinema brasileiras.

A estreia tão esperada conseguiu trazer as pessoas de volta aos cinemas, apesar das restrições de capacidade devido à pandemia. Em maio o filme já havia faturado R$ 1,9 milhão e estava no topo da lista em termos de bilheteria.

6.    É até agora o filme mais curto do Monsterverse.

É o filme mais curto do Monsterverse, com duração de apenas 1 hora e 53 minutos. Os fãs ficaram surpresos, pois esperavam um tempo de duração de aproximadamente 3 horas, no entanto, o diretor Adam Wingard disse que preferia fazer um filme que não fosse tão longo, mas que fosse capaz de emocionar todos os seus espectadores do início ao fim.

Ele também acrescentou que um filme mais longo não teria necessariamente tido mais cenas de batalha, mas teria enfatizado o diálogo entre humanos, justificando assim sua intenção de buscar o equilíbrio a fim de acomodar o tipo de roteiro que ele gostaria de ter visto quando era mais jovem nas versões anteriores.

Wingard também enfatizou em várias entrevistas que se esforçou para manter as cenas humanas do filme focadas nos monstros. Sua intenção era criar uma sinergia entre todos os personagens e torná-la o mais realista possível.

 

7.    Mudança de locais devido à atividade vulcânica no Havaí

A maior parte das filmagens foi realizada na Austrália e no Havaí. No filme você pode ver as Cataratas de Manoa (Honolulu) e o próprio centro de Honolulu. Infelizmente, os locais tiveram que ser mudados devido à atividade vulcânica. 

Se você gostou de aprender mais sobre esta história, não perca o duelo dos titãs em Godzilla VS Kong, disponível na HBO Brasil, um filme para toda a família. O elenco inclui Millie Bobby Brown, Eiza González Demián Bichir, Rebeca Hall, Kaylee Hottle e Alexander Skarsgård, entre outros.

  • Copiar Enlace